quarta-feira, 16 de junho de 2010

- Meninas se apaixonam rápido e fácil demais.
- Ora, não é assim.. Você só tem conhecido as garotas erradas. Acredite ou não, existem aquelas que raramente se apaixonam.
- Ah, eu realmente duvido.
- Duvida? Pois bem.. Você está falando com uma delas!
- Ahh vai dizer que você nunca se apaixonou?
- Claro que já! Mas a questão é 'raramente se apaixonar' e não 'nunca se apaixonar'. São duas coisas diferentes.
- Você tem razão.. Mas, me explica, como assim 'raramente se apaixonar'? Acho que essas coisas a gente não escolhe.
- Por isso mesmo. As garotas que se apaixonam rápido e fácil demais têm esse problema. Elas simplesmente escolhem alguém e dão seu coração de presente com a maior facilidade do mundo. Elas pensam que estão apaixonadas e que conhecem o amor mas, na realidade, não conhecem nada. Apenas fingem. Passada uma ou duas semanas, já estarão entregando seu coração para outro estranho qualquer.
- Huum, entendi e quanto as garotas que raramente se apaixonam?
- Essa são diferentes. São aquelas que vivem em seu próprio mundo construindo uma barreira de proteção. Você nunca verá uma delas entregando seu coração pois são muito orgulhosas.
- Mas, se elas nunca entregam seus corações, como se apaixonam? Por isso que eu não entendo as mulheres!
- É aí que mora a diferença: A única maneira é roubando o coração delas.. Mas não pense que elas são burras não..
- Burras? Como assim?
- Não adianta 'tentar' roubar. Elas são fortes, elas construíram uma barreira em torno delas. A qualquer sinal, elas se esquivam para longe.
- Então, como fazer isso?!
- Ué, você mesmo disse. A gente não escolhe. Um dia a pessoa chega, faz alguma coisa tola como sorrir ou te abraçar e pronto. Roubou o coração da pobre garota.
- Ahh, isso quer dizer que essas garotas sofrem menos, certo?
- Errado! É difícil recuperar um coração roubado. Quem iria querer devolvê-lo? Por isso elas sofrem mais, passam dias, semanas, meses e às vezes até anos para esquecer.. Porque claro, você sabe que o coração não se regenera.
- Mas você disse que as meninas que se apaixonam rápido demais entregam o seu coração novamente para alguém.. Isso não faz sentido! Coração não se regenera.
- E quem disse que elas o perdem? Eu disse que elas fingem. O coração delas está sempre no mesmo lugar, batendo apenas para manter o corpo funcionando.
- E o seu, onde está agora?
- Está longe. Batendo perto de quem eu queria estar.

Um comentário:

lucas disse...

a mary deve ser orgulhar de você dani heuheuehueh... parabéns muito bom o texto =)